Sete em cada dez negócios falham nos primeiros cinco anos. Se está a começar um negócio, esta é provavelmente a última coisa em que quer pensar.

Mas para muitas empresas, é uma realidade, e uma das principais causas é a falta de planeamento. Para contrariar esta tendência, é essencial fomentar a gestão estratégica da sua empresa desde o início, começando pela realização de um plano de negócios.

Image for post

Image for post

O que é um plano de negócios?

É um documento que descreve os objetivos de um negócio e que passos devem ser dados para que sejam cumpridos, diminuindo futuros riscos e incertezas.

“A goal without a plan is just a wish.” — Antoine de Saint-Exupéry

É altura de passar à ação

Quer ter a certeza de que inclui no seu plano todas as informações vitais, por isso a organização é crucial. Vamos partilhar consigo as secções mais comuns encontradas em planos de negócio bem estruturados.

Image for post

Image for post

1. Resumo Executivo

O resumo é onde apresenta sucintamente a sua visão. Tente fazer com que o seu resumo executivo responda às seguintes questões:

· Em que setor se encontra?

· Que produtos/serviços fornece?

· Quem é o seu público-alvo?

· Como é que a sua empresa é escalável?

· Quais são os próximos passos?

· Quem são os proprietários da sua empresa? Antecedentes? Experiência no setor?

· O que o motivou a iniciar a sua empresa? Porquê agora?

Image for post

Image for post

2. A sua missão

Keep it short & sweet.

Nesta secção deve incluir a sua visão e os objetivos relacionados com ela; a sua indústria, como a vê a evoluir a curto e longo prazo, e quem são os seus clientes. A sua declaração de missão também deve incluir quem é a sua empresa, e descrever os seus pontos fortes e os da sua equipa.

Image for post

Image for post

3. Produtos e/ou serviços

Esta parte deve incluir informações sobre o que faz e o que pretende vender. Aqui também é onde apresenta os benefícios do seu negócio.

Sendo este um plano de negócios, é importante apresentar o custo dos produtos/serviços que providencia:

· Como é que o cliente vai comprar o produto?

· Quanto custa a produção? Por quanto vai vender cada unidade?

· Inclui embalagens?

· Que sistema irá utilizar para faturá-los?

· Existem custos extras para entregar o produto ao cliente? Como será transportado?

Nesta secção também deve mostrar como o seu novo negócio se destaca:

· O que torna o seu negócio diferente?

· O que concede ao produto ou serviço da sua empresa uma vantagem competitiva?

Image for post

Image for post

Passo 4: Plano de marketing

Agora que definiu o que quer fazer e como o irá realizar, de seguida vai precisar de detalhar como pretende divulgar o seu negócio.

Pode dividir esta secção em 7 tópicos:

Os seus clientes: A sua empresa é B2B ou B2C? Quem são os seus clientes? Como pretende contactá-los? Onde irá vender o seu produto/serviço? Como irá obter feedback?

O seu nicho: Uma vez mais, o que diferencia o seu negócio dos seus concorrentes? Como se dará a conhecer no seu setor?

A sua concorrência: Quem são os seus concorrentes diretos/indiretos? Qual é a sua vantagem? Não seja tímido! Explique porque é que a sua empresa é melhor.

A sua distribuição: Como pretende vender os seus produtos/serviços? Diretamente aos clientes, online, através de um vendedor, numa loja, num escritório, etc.

A sua publicidade: Pensa fazer publicidade? Onde? Como vai usar a publicidade para fidelizar clientes ou obter novos clientes? Tem um plano de Inbound Marketing? Certifique-se de delinear o seu orçamento de marketing aqui ou na secção plano financeiro (7), incluindo custos de impressão, de campanhas ou eventos.

A sua estratégia de vendas: Dependendo da indústria, esta pode ser uma das partes mais relevantes — como vai vender o seu produto/serviço? Online? Através de uma equipa de vendas? Como irá aumentar as vendas? Através de workshops gratuitos? Webinars? Testes ou amostras grátis?

A sua imagem: Já descreveu como e onde vai comercializar o seu produto/serviço, o que é, para quem está direcionado. Agora é altura de definir a imagem que irá projetar. Pode incluir o seu slogan, imagens, logotipos, website, redes sociais, etc.

Image for post

Image for post

5. Plano operacional

Nesta secção deve apresentar o dia a dia da sua empresa:

· Localização/Logística da sua empresa.

· Transporte (caso venda um produto).

· Precisa de uma licença? Precisa de se juntar a um sindicato ou outra organização profissional?

· Se vende um produto, onde irá armazená-lo?

· Se fizer outsourcing, apresente informações detalhadas de contacto/preço de qualquer entidade que contrata.

· Pode apresentar também uma imagem mais visual que demonstre o funcionamento da sua empresa, realizando um breve relato sobre o seu dia a dia. Pode até incluir uma foto ou vídeo para demonstração.

Image for post

Image for post

6. Organização e gestão

Nesta parte inclua um gráfico hierárquico da sua empresa. Enumere as posições e descreva brevemente as funções de cada membro da sua empresa. Além disso, pode também discutir possíveis contratações que queira realizar e porquê. O seu plano de negócios não serve apenas para descrever onde a sua empresa se encontra, mas também para onde se dirige.

Image for post

Image for post

7. Plano financeiro

Sem um plano financeiro adequado, mesmo a ideia de negócio mais brilhante está em risco de não resultar.

O que é que esta parte do seu plano de negócios pode incluir?

Análise de cash-flow: Reflete o que vai vender versus as suas despesas comerciais. Esta análise projeta a sua margem de lucro.

Análise de Lucros & Perdas: Feito em articulação com o cash-flow, esta análise olha para o futuro, pelo menos de um ano, e inclui previsões de receitas, incluindo representações gráficas desses valores.

Ponto de equilíbrio (Break-even): É o ponto de equilíbrio de uma empresa, ou seja, é o momento no qual a sua receita alcança um valor necessário para cobrir custos fixos e variáveis. Ao atingir o break even point, a empresa ainda não possui lucro, mas já está arrecadando o suficiente para arcar com o valor total dos seus custos.

8. Anexos

Aqui onde pode adicionar qualquer anexo mais técnico do seu plano de negócios. Também pode incluir referências sobre sua empresa, assim como currículos, adicionando provas das qualidades impressionantes da sua empresa.

“By Failing to prepare, you are preparing to fail.” — Benjamin Franklin

Antes de terminar, faça uma avaliação detalhada do seu plano de negócios. Verifique se está completo, se as informações estão precisas, se o seu negócio está pronto para encarar as mudanças do mercado e se tem o suporte necessário para embarcar nesta aventura. Uma das principais finalidades de um plano é responder à seguinte pergunta: Vale a pena abrir este negócio? Se a resposta for sim, está pronto para estar à frente de um negócio de sucesso.